DEPILAÇÃO A LASER, MITOS E VERDADES POR VIVIAN MOTTA

Seus amigos lhe convidam para a praia, mas aí você se lembra…”nossa, não me depilei! E agora?” A resposta é simples: com a depilação a laser, esse problema acabou! O laser penetra na pele com o objetivo de enfraquecer as “raízes” do pelo sem maltratar o tecido cutâneo. A luz do laser penetra na pele chegando até o folículo, onde é absorvida pela melanina (proteína responsável pela pigmentação da pele). Sendo assim, é produzido um calor intenso que o destrói e inibe seu crescimento.
É um método fantástico! Afinal, é um alívio ficar livre das intermináveis sessões de depilação com cera, pinça, linha, laminas, barbeador, etc… Existe hoje no mercado uma tecnologia que trata pele negra, oriental e branca, alem de ser praticamente indolor, já que possui a ponteira gelada, o que protege a pele e provoca menos incômodo. Esse tipo de laser você encontra na Stética Avançada.

O laser pode ser aplicado em qualquer região do corpo, em homens e mulheres e ainda previne a foliculite, aquela inflamação no folículo capilar, com aspecto de “espinha”. E claro, como qualquer outro aparelho, você deve se atentar às precauções, algumas delas são: não deve ser aplicado sobre lesões cancerígenas da pele, em pessoas com fotossensibilidade, sobre tatuagem, se estiver utilizando ácido na pele e principalmente se estiver bronzeado.
Mas lembre-se, é necessário que se faça uma avaliação com profissional adequado para saber se esse é o tratamento mais indicado para você. O número de sessões varia, mas a maioria das pessoas tem ótimos resultados a partir da 6ª.
Não existe mais motivo para se preocupar com o excesso de pelos! Livrar-se deles é a melhor solução para que você possa desfilar por aí exibindo sua pele lisinha e macia, afinal de contas…pelos, para que tê-los?

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *